Alimentador de Peixes - Cuidados com os tratadores

Alimentador de Peixes - Cuidados com os tratadores



Em continuação ao nosso ultimo blog post sobre Manutenção adequada de Equipamentos para Aquicultura, vamos abordar o assunto sobre os cuidados com os tratadores de peixes, confira:

  Em nosso ultimo blog post falamos sobre os cuidados que o piscicultor deve dedicar aos equipamentos de aquicultura e como a Manutenção adequada em tanques aumenta vida útil de equipamentos, hoje vamos trazer mais do assunto, mais especificamente sobre os tratadores de peixes.

 Para os tratadores de peixes, Marcelo Trevisan explica que é aconselhável manter atenção para verificar se as correias estão bem esticadas. Se não estiverem bem esticadas, a rotação das turbinas e válvulas pode falhar e vai “embuchar” ração na válvula. Mas ainda tem mais.

  Ele ressalta que é necessário verificar parafusos e engraxamento. A orientação é para engraxar os rolamentos do equipamento a pelo menos 500 horas de uso, enquanto os cubos a cada 5 mil horas. Já a graxeira do rotor de velocidade exige manutenção de graxa a cada 500 horas. Uma outra recomendação do profissional é para não deixar os tratadores sob o clima.
 
  É indicado guardar o equipamento sempre em barracões para evitar que fique molhado e com isso enferruje. Conforme o engenheiro da Trevisan, a própria ração já é corrosiva, mas com a umidade o processo corrosivo é mais rápido. “Depois que trata, aconselha-se passar um ar no equipamento. Não é necessário lavar a todo momento, mas com um ar já tira o pó da ração e evita a corrosão”, explica.  

  No próximo post vamos falar sobre manutenção em Caixas para Transporte de Peixes Vivos. Fique por dentro das dicas e notícias sobre aquicultura com a Trevisan, siga-nos no Facebook. Trevisan Equipamentos sempre pensando no melhor para seu viveiro e plantio.